Após pressão do Sindicato, banco Pan retira câmeras das baias de atendimento

Ao realizarem o trabalho de base no dia 7 de fevereiro, os diretores do Sindicato dos Bancários de Guarulhos e Região notaram que os gestores do banco Pan, da praça Getúlio Vargas, instalaram câmeras de áudio e vídeo nas mesas de atendimento da agência.

Por tratar-se de uma situação inusitada e por ferir o artigo 5° da constituição, os diretores questionaram os responsáveis pela ação para se posicionarem contra a instalação.

No dia 10 de fevereiro, os diretores foram recebidos pelo responsável do setor de relações trabalhistas, que ouviu os argumentos da diretoria ao entender que a situação é constrangedora, mesmo que de acordo com ele a intenção não seria a de espionar os bancários e bancárias, mas sim para ajudar nas transações comerciais.

 

Após o encontro, no dia 11 de fevereiro, os equipamentos foram retirados pela gestão da agência.

 

 

“A Constituição garante a intimidade, vida privada, a honra e a imagem das pessoas, assegurando o direito de indenização pelo dano moral ou material decorrente de sua violação, portanto esse tipo de instalação está errado e estamos satisfeitos que o banco tenha retirado as câmeras após a conversa com os diretores, o diálogo é o melhor caminho”, explicou Luis Carlos dos Santos, presidente do Sindicato.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

loading