Sindicato conquista reintegração de bancário do Bradesco por LER/DORT

Após um mês de negociações, o Sindicato dos Bancários de Guarulhos e Região conquistou a reintegração de um bancário do Bradesco acometido por Lesão por Esforço Repetitivo (LER) e Distúrbios Osteomusculares (DORT). O trabalhador tinha afastamento anterior pelo Instituto Nacional de Seguridade Social (INSS) por B91, que é concedido quando a incapacidade decorre de acidente de trabalho, como é o caso da LER/DORT.

 

 

Em casos como este, o INSS reconhece a relação de causa e efeito entre trabalho e doença e, além de obrigar o empregador a recolher o FGTS do trabalhador, garante a estabilidade por pelo menos um ano após o fim do benefício. “Quando houve o desligamento, procurei o gerente geral do Bradesco para explicar que a demissão estava irregular e ele falou para o bancário procurar por seus direitos. Foi um longo mês, toda essa situação também abalou emocionalmente o trabalhador, mas conquistamos a sua reintegração”, explicou a secretária de Saúde e diretora do Sindicato, Daniela Cucio.

 

 

#OSindicatoestácomvocê – Apesar da pandemia, o Sindicato está de plantão para orientar bancários e bancárias de sua base com relação às atitudes equivocadas das instituições. É importante que em caso de demissão em que @ trabalhad@r tenha LER/DORT ou qualquer outro diagnóstico ocupacional, o Sindicato seja procurado através do telefone (11) 2440-7888 ou pelo whatsapp (11) 97643-2611.

 

 

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

loading