Doria quebra promessa de campanha e registra pré-candidatura ao Governo do Estado

Um ano e três meses após ser eleito prefeito de São Paulo, João Doria quebra sua promessa de campanha e se lança como pré-candidato ao Governo do Estado. O documento foi assinado no diretório estadual do PSDB, em Moema, e as prévias do partido acontecem no dia 18 de março e, caso os candidatos não alcancem 50% dos votos, o segundo turno acontece no dia 25.

 

Durante as eleições para prefeito, Doria afirmou que não se afastaria da Prefeitura para concorrer a nenhum outro cargo, mas sua ânsia pelo poder falou mais alto. A princípio, o tucano almejou concorrer à presidência, mas como seu padrinho no partido, Geraldo Alckmin, também sonhava com essa disputa, Doria decidiu concorrer ao Governo do Estado e tentar manter a hegemonia do PSDB que governa São Paulo há 23 anos. “Serei prefeito por quatro anos e sem reeleição. Não há necessidade. Deixar oportunidade para outras pessoas, até mais jovens, e oxigenar o partido”, disse em setembro de 2016.

 

Caso ganhe as prévias do partido, Doria deixará a Prefeitura nas mãos de Bruno Covas.

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

loading