Caixa abre novo PDV e privatização volta à pauta da instituição

A Caixa Econômica Federal (CEF) anunciou um novo Plano de Demissões Voluntárias na quinta-feira, 22, e já prepara o terreno para a privatização da instituição, prejudicando bancários e bancárias e seus clientes. O agora chamado como Programa de Desligamento de Empregado (PDE) teve início na segunda-feira, 26, e o objetivo é que 2.964 funcionários optem por sua adesão.

 

Em nota, a CEF afirma que é preciso “ajustar a estrutura ao cenário competitivo e econômico”. Mas a justificativa não cabe, hoje, a Caixa representa 22,9% do total de crédito no Sistema Financeiro Nacional (SFN) e 68,7% de crédito na habitação, além de lucro de R$6,2 bilhões de janeiro a setembro de 2017, um crescimento de 84,5% em relação ao mesmo período de 2016.Em contrapartida, a instituição reduziu 7.315 postos de trabalho.

O período para adesão vai até 5 de março. Segundo a Caixa, o desligamento ocorrerá por meio de pedido de rescisão do contrato de trabalho, sem necessidade de cumprimento do aviso prévio.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

loading